O que procura em "O PIRAQUARENSE"

domingo, 18 de agosto de 2019

Golpe? Pais denunciam venda de cursos disfarçada de projeto do Governo Federal



Leiam até o final por favor 



Em Piraquara estão aparecendo várias propagandas iguais mas só tem ligação com facebook, não há outra fonte de informação que confirmem e confundem com programas do Governo Federal, fiquem atentos. 


O Piraquarense, como exemplo, pesquisou a imagem abaixo mas a unica vinculação foi um formulário do google que busca suas informações, não tem endereços, telefones, sites nem mesmo e-mail

A imagem e postada como sendo do pronaque.org,mas a
pesquisa não levou a lugar nenhum
INVESTIGUEM

Cadastro é feito em site com cores e padrão próximos do Pronatec

Pais e jovens estudantes denunciaram uma escola de cursos por “propaganda enganosa”. O motivo seria a oferta de bolsas de estudos que, a princípio, parecem ser um programa do Governo Federal com uso de logotipo parecido ao do MEC (Ministério da Educação) e bandeira Nacional ao fundo. 

O suposto “golpe” funciona da seguinte maneira: os interessados são atraídos por um anúncio no Facebook onde há um link para inscrição, onde as cores e padrões remetem ao programa Pronatec, do Governo Federal. Logo após, os “selecionados” são chamados para irem a um determinado local. 

“Nem tudo é o que parece, como por exemplo, esse PRONAED é propaganda enganosa. Está sendo oferecido aqui em Campo Grande, por isso alerto para que a dor de cabeça seja evitada”, reclama Ana D’Amore, que foi atraída pela propaganda. 

Segundo ela, o programa, apesar de parecer ser governamental, é da iniciativa privada. “Não é um programa do Governo e sim de iniciativa privada. Fizeram um logotipo semelhante aos do Governo Federal e divulgaram cursos gratuitos com vagas limitadas. O problema é que esses ‘cursos gratuitos’ são apenas propaganda enganosa para atrair as pessoas até o local de matrícula. Ao chegar até o local, se descobre que, para fazer os tais cursos, é preciso assinar um contrato da Microlins com valores cobrando mensalidades, cobrando material, cobrando apoio técnico. Imagino quantos assinam o contrato sem notar”, alerta. 


As mensagens são enviadas por meio do aplicativo de WhatsApp. "Mandam que é para ir até o local e fazer a inscrição, só lá sabemos os valores", narra a mulher, mostrando um modelo de contrato. 

O problema se agrava, pois, segundo os pais que buscaram a oportunidade para os filhos, os organizadores depois disparam ameaças. “Sem contar que ainda fazem ameaças, do tipo de que os jovens vão ficar negativados nas empresas de Campo Grande, porque ele já foi 'selecionado' várias vezes e não compareceu. No caso, eles dizem que se ele não fizer o tal curso, não vai conseguir emprego, porque as empresas consultam o cadastro deles”, conta Joseane Biermann. 


O caso ganhou outros denunciantes após a discussão vir a público no grupo Aonde Não Ir em Campo Grande. “É um absurdo”, reclamou Joseane. Além dela e de Ana, outras pessoas reclamaram do suposto “golpe”. 

A reportagem enviou e-mail para o cadastro que aparece no site, porém até o fechamento desta matéria não havia sido respondido o contato. Logo após o pedido de esclarecimentos, o site que remetia ao PRONAED em Campo Grande saiu do ar. 

Fonte Top Midia News 

Segue os comentários a respeito da noticia 

Francisco Mafra
Acho bem suspeito e semelhante algo que está acontecendo aqui em Planaltina GO. Um sistema como o nome de PRONAQUE agindo no mesmo modo. Me inscrevi e hoje recebi no whatsapp a seguinte mensagem:
*CONVOCAÇÃO / LEIA COM ATENÇÃO:* 

ÚNICA CHAMADA!! 

*PARABÉNS!* 

Você foi selecionado(a) entre as milhares de pessoas que se cadastraram recentemente através do Facebook no *MAIOR PROJETO EDUCACIONAL DO BRASIL*. 

Sua solicitação para obter o *CURSO GRATUITO* foi aceita para a cidade de *PLANALTINA e REGIÃO - GO.* …Ver mais
Curtir · Responder · 2 · 18 sem

Luiz Otavio Lima
Também recebi, vc foi ?
Curtir · Responder · 11 sem

Francisco Mafra
Luiz Otavio Lima fui e foi uma cilada mesmo. O curso "gratis" mas tinha que pagar 126, 00 por mes
Curtir · Responder · 2 · 11 sem

Peça Únika Modas
Francisco Mafra Sou de Osasco e recebi uma carta também dizendo que o curso era totalmente grátis (exceto material de uso pessoal)... Me inscrevi em um de Inglês e o valor do suposto ""material"" é R$189,90 mensais... Agora que estou vendo que realmente isso é um golpe da Microlins!!! :(
Curtir · Responder · 4 sem · Editado
Mostrar mais 1 resposta neste tópico

Thiago Silva
Aqui em Bauru/SP mesma coisa, fizeram o mesmo, é golpe!!! Paguei e até hoje não recebi o dinheiro de volta após o cancelamento! Está rolando processo no PROCON aqui em Bauru.
Curtir · Responder · 13 sem

Bruna Caroline
Nossa acabei de receber essa mensagem pelo whatsApp pedindo pra eu comparecer amanhã com rg e cpf pra realizar a matricula,sou de São Paulo-Capital e aqui na zona leste o nome é PROETEC. Mais ainda bem que dei uma pesquisa antes,pq tava achando meio suspeito,bom o local pra realização da matricula é pertinho da minha (dá pra ir a pé) posso dar uma passada em frente e ver se realmente é isso mesmo.
Curtir · Responder · 3 · 13 sem

Roseli Luiza de Lima
Em Cuiabá apareceu um Pronitec eu fui chegando lá disseram que as vagas gratuitas acabaram e deram um formulário pra assinar isso há uns 2 meses agora voltaram com o Probentec uns canalhas andam todo o país!!E a polícia nada?
Curtir · Responder · 2 · 12 sem

Patrícia Fihr
Tbm sou daqui de cuiaba e recebi hj a mensagem dizendo pra ir Amanha no cine teatro na Getúlio Vargas
Curtir · Responder · 9 sem

Sidalice Monteiro da Silva
Patty Fihr X André Ferreira tbem recebi essa mesma mensagem nem vou 
Pq percebe se que é golpe
Curtir · Responder · 9 sem

Deivane Barth

ta acontecendo aqui e, Florianopolis eu mesma fiz o tal cadastro e fui selecionada ou aprovadacomo dizem e era pra comparecer hoje no centro da cidade mas não fui, supeitei pois muito na cara que seria golpe.

Um comentário:

  1. Aqui em Camboriú foi do mesmo jeito, pior que usaram a indicação do IFC Camboriú que pelo jeito não estão sabendo pois por causa da pandemia está tudo parado.

    ResponderExcluir

Deixe sua opnião